quarta-feira, 3 de abril de 2013

Graças a pronta ação do Prefeito e seus Secretários, Teresópolis já esta contemplada com mais 12 meses de aluguel social


Na manhã desta terça-feira, 2 de abril, o Prefeito Arlei esteve na sede da Secretaria Estadual de Assistência Social e Direitos Humanos, onde foi recebido pelo secretário titular da pasta, Zaqueu Teixeira. Arlei, que já havia reivindicado a prorrogação do aluguel social por mais doze meses, foi atendido pelo Estado. O acordo foi assinado pelo Prefeito de Teresópolis, o Secretário Estadual e a Secretária Municipal de Desenvolvimento Social, Graça Granito, que esteve acompanhada da assessora, Tania Iorio.
Foi realizada também uma reunião com a equipe da Secretaria de Estado de Assistência Social e representantes de vários municípios da Região Serrana. Os secretários municipais levaram suas demandas ao Governo do Estado e ouviram as novas regras determinadas pela Secretaria Estadual, que será mais rigorosa na concessão dos aluguéis sociais.
“Teresópolis saiu na frente e já realizou o recadastramento do aluguel social, o que terá que ser feito por todos os municípios que tenham beneficiários no programa”, disse Zaqueu, ao convidar o Prefeito Arlei para sentar à mesa principal do encontro.
A Subsecretária de Assistência Social e Descentralização da Gestão, Nelma de Azeredo, salientou que a proposta do recadastramento é beneficiar as pessoas que realmente necessitam e se enquadram no programa, além de evitar fraudes, como a praticada por um funcionário do Estado há alguns meses.
Desde 1º de março a Prefeitura de Teresópolis realiza o recadastramento das 1.080 (mil e oitenta) famílias que recebem aluguel social do Governo do Estado no município e que não atualizaram os seus dados em novembro do ano passado. A atualização continua aberta até o final de abril. Aqueles que não compareceram tiveram os benefícios suspensos, mas poderão voltar a receber o auxílio assim que regularizarem os cadastros.
Ao assinar a prorrogação do aluguel social, o Prefeito Arlei agradeceu ao Governo Estadual, mas lembrou que Teresópolis tem outras áreas de risco que precisam do apoio do Estado. “O aluguel social é um benefício temporário, e agradecemos a sensibilidade do Governador Sérgio Cabral em prorrogar o pagamento por mais doze meses. No entanto, é necessário que as casas populares sejam construídas o mais urgente possível, para resolver o problema de uma vez por todas. Em Teresópolis, além das pessoas que foram atingidas pelos temporais de janeiro de 2011 e abril de 2012, temos também aqueles que moram em áreas de altíssimo risco, como na comunidade do Rosário e vizinhança. É necessário que o governo também nos dê apoio nestas áreas”, disse o Prefeito.
Reconhecendo o trabalho realizado pela Secretaria de Desenvolvimento Social de Teresópolis, o Secretário de Estado Zaqueu Teixeira ficou de levar as novas reivindicações ao Governador Sérgio Cabral.
A Secretária Graça Granito também agradeceu ao Governo do Estado. “Agradecemos pelo apoio, lembrando que precisamos realocar também as famílias que estão em áreas de risco. Viemos trazer novas demandas para que a cidade não sofra novas tragédias, já que o trabalho de prevenção realizado em Teresópolis vem minorando os problemas neste período de chuvas”, finalizou.