domingo, 31 de março de 2013

Maior armarinho do Rio, o Caçula, foi completamente destruído em incêndio no Saara


Um incêndio de grandes proporções, atingiu dez imóveis na região conhecida como Saara,  entre quinta e sexta-feira, no  Rio de janeiro, e só foi controlado três horas depois. O maior e mais tradicional armarinho da cidade, o Caçula, foi totalmente destruído. Não sobrou nada. 
O armarinho tinha 300 funcionários que serão realocados para outras lojas, segundo representantes da empresa, e no local será construída outra loja bem mais moderna. 5 imóveis foram ao chão mas não há relato de vítimas. 
Algumas lojas do Saara não estavam adequadas as normas de incêndio estabelecidas em 1971, e ficaram a mercê do fogo. O presidente do Saara, Sr. Enio Bitencourt, disse que os bombeiros demoraram muito a chegar, o que foi negado pelo comandante da corporação.