terça-feira, 15 de maio de 2012

Coletiva de Imprensa esclarece situação da saúde no Município e providências que estão sendo tomadas

Secretario de Saúde Carlos Otávio, Dra. Rosane Rodrigues, 
diretora do HCT, ao lado do Prefeito Arlei Rosa
Imprensa de Teresópolis presente
Da Redação - A coletiva de imprensa realizada hoje pela manhã no ambulatório da FESO no Bom Retiro, serviu para esclarecer a situação da saúde no município e revelar as estratégias que estão sendo adotadas para solucionar os problemas. 

Segundo o Secretario de Saúde, Carlos Otávio, a situação do sistema em Teresópolis foi revelando problemas à cada passo. Alguns já foram resolvidos, outros sendo resolvidos. 

No caso das cirurgias, por exemplo, havia uma demanda de mais de 300 pessoas na fila, quando então, se resolveu fazer o mutirão e hoje não há pessoas na fila da cirurgia. 

Momentos antes da reunião, eu e Sílvia
conversávamos com o Carlos Otávio
sobre os problemas de saúde da
cidade
A área de consultas, por outro lado, revelou uma demanda de quase 9000 consultas. "Ora", disse Carlos Otávio, "nós conseguimos hoje gerar uma sobra de 1500 consultas/mes no município, mas se nós formos contar apenas com a sobra, nós vamos levar 6 meses para atender as 9000 pessoas que já estão na fila, já que a rede tem que absorver essa demanda reprimida sem deixar de atender os pacientes normais".

"Dentro desse contingente de 9000 pessoas, tinha gente que nunca conseguiu marcar um consulta, por que não podia vir para a fila as 5 horas da manhã. Pessoas que acabavam até pagando consulta particular porque não conseguiam ser atendidas. Graças a Deus nós acabamos com isso". 

"Optamos então, diante da demanda reprimida, pelo mutirão, e já acertamos com a direção do Hospital das Clínicas a realização dessas consultas. Depois que essa fila for absorvida no sistema, poderemos caminhar com a perspectiva de não gerar novos estrangulamentos. As pessoas podem ficar tranquilas porque a gestão de saúde em Teresópolis esta sendo modificada para melhor, apesar dos transtornos da transição", disse ainda.


Sendo assim, a partir dessa segunda-feira,21, plantonistas estarão a postos no Ginásio do Pedrão para atender as pessoas e informar a data certa de suas consultas. Não há necessidade de correr para chegar cedo pois a data já estará marcada e a qualquer hora em que a pessoa chegar será atendida. Não esquecer do protocolo de marcação e documentos.