terça-feira, 12 de novembro de 2013

XII Festival de Bandas e Fanfarras reúne 18 corporações musicais em Teresópolis, Veja o resultado.


Promovido pelo Centro Interescolar José Francisco Lippi, em sua unidade, em Venda Nova, no 3º Distrito, no último sábado, 9, o XII Festival de Bandas e Fanfarras contou com a participação de 18 corporações musicais de escolas municipais, estaduais e particulares, além de entidades, de Teresópolis, Petrópolis, Magé, Bom Jardim e São Gonçalo.
“A ideia é estimular a criação de bandas e fanfarras, promover o intercâmbio entre os integrantes das corporações e incentivar o aprimoramento de métodos e técnicas. Além disso, buscamos contribuir para o espírito de corporação, autodisciplina e civismo, fundamentais para a formação do cidadão”, destacou a diretora do CIA, Marlene Cupertino.
Um dos coordenadores do evento, o maestro Nilton Freitas ressaltou a importância da realização deste tipo de evento. “O festival tem a finalidade de estimular as bandas a crescerem, conhecerem outros estilos e a intenção é mostrar que encontros como esse devem ser promovidos. Hoje está acontecendo em uma comunidade escolar, mas também pode ser apresentado em outros locais, como uma praça, onde o público é bastante diversificado,” avaliou Nilton Freitas, que comanda a corporação musical do CIA, Banda Padre Leonardo Switzar.
Entre os participantes estava a Banda Musical Beatriz Silva, que se destacou, conquistando o primeiro lugar em três das seis categorias da competição. “Estamos muito orgulhosos dos nossos alunos. Esse desempenho no festival é resultado do trabalho que vem sendo desenvolvido há bastante tempo com a banda da nossa escola. Eles ensaiam três vezes por semana, são bastante aplicados e estão felizes com os resultados que têm alcançado em festivais de que participam”, comentou a diretora do Centro Educacional Beatriz Silva, Jane Lara, exaltando ainda o empenho do maestro da banda Evaldo Cândido Pereira.
A Banda Dançante do Cedal (Centro Educacional Rose Dalmaso), Corporação Musical Roger Malhardes (Cerom), Corporação Musical Lions Clube e Fanfaterê Banda Show também mostraram seus trabalhos. “Participo do festival desde a primeira edição. Encontros como esse são ótimos porque incentivam e motivam as crianças a conhecerem música de qualidade”, frisou o maestro da Banda Dançante do Cedal, Val França.
Representando Teresópolis, concorreram ainda as escolas estaduais Higino da Silveira e Euclydes da Cunha, assim como a Corporação Musical Barões do Vale e Corporação Musical Cavaleiros de Apollo. Como anfitriã, a Banda Padre Leonardo Switzar fez a apresentação de abertura, não concorrendo à premiação.
Participaram ainda a Banda Prof. Darcy Ribeiro, de Bom Jardim; a Corporação Musical Carlos Camacho e Banda Marcial Profª Alda Bernardo, de Magé; a Corporação Musical Amaral Peixoto, Corporação Musical Romanda Gouveia, Corporação Musical Cecap e a C. E. Francisco de Paula Achilles, de São Gonçalo; e a Banda Musical Cavaleiros do Império e Banda Marcial Wolney Aguiar, de Petrópolis.
Avaliação dos jurados
Os jurados, profissionais da área, avaliaram o Corpo Coreográfico, Baliza, Regente Mór e Maestro. “Fazendo uma comparação com o Carnaval, o corpo coreográfico seria a comissão de frente e o corpo musical, a bateria. A baliza é uma ginasta que desenvolve movimentos rítmicos de acordo com o contexto musical. Já o regente mor é quem conduz o corpo musical até a apresentação e o maestro faz a regência do corpo musical executando peças”, explicou o jurado José Carlos Oliveira.
Todas as bandas receberam troféu e certificado de participação. Os corpos coreográficos, balizas feminino, maestro e regente mór foram premiados até o terceiro colocado. Também receberam premiação a ‘banda de melhor comunicação com o público’ e dois ‘alunos destaque’.
Vencedores
Maestro -1º lugar – Corporação M. Amaral Peixoto (São Gonçalo)
Regente Mór – 1º lugar - Corporação M. Beatriz Silva (Teresópolis)
Baliza – 1º lugar – Corporação M. Beatriz Silva (Teresópolis)
Corpo Coreográfico – 1º lugar – Corporação M. Beatriz Silva (Teresópolis)
Destaque – Alunos Iago (Corporação M. Amaral Peixoto/S. Gonçalo) e Lucas (Banda M. Cavaleiros do Império/Petrópolis)
Banda de Melhor Comunicação com o Público – Corporação M. Cecap (S. Gonçalo)