segunda-feira, 25 de março de 2013

Com as perfurações paralisadas, diretores da CEG Rio dão explicações ao prefeito e aos vereadores


O Prefeito Arlei recebeu em seu gabinete na tarde desta segunda-feira, 25, a diretoria da CEG Rio, empresa de gás natural do Rio de Janeiro. Em pauta, as obras de gás canalizado que vêm sendo realizadas pela companhia na cidade desde o final de 2012.
 Acompanharam o encontro os vereadores Maurício Lopes – presidente da Câmara Municipal, Luciano de Vargem Grande, Antonio Francisco, Serginho Pimentel, Dr. Carlão, Dr. Habib, José Carlos Fita, Fábio Branco, Dedê da Barra e Da Ponte. A CEG Rio foi representada por seu presidente, Bruno Armbrust, pelo gerente regional, André Otoni, e pela diretora de comunicação, Fernanda Amaral.
Durante a reunião, que serviu para aprimorar o canal de comunicação entre o poder público e a empresa distribuidora de gás, ficou acertado que será realizada uma reunião no dia 4 de abril, às 14h30, na Câmara Municipal. Na oportunidade, a CEG Rio apresentará todas as etapas do planejamento das obras do gás natural canalizado em Teresópolis.
Câmara
No início de março, o presidente da Câmara Municipal, vereador Maurício Lopes, pediu a suspensão dos trabalhos da Companhia de Gás em Teresópolis. Segundo Maurício Lopes, após o incidente no dia 27 de fevereiro, quando uma máquina de perfuração atingiu um duto de água e a cidade ficou com o abastecimento interrompido em certas regiões, o número de reclamações contra as obras da CEG aumentou e era necessário interromper os trabalhos até que a empresa comprovasse que está devidamente autorizada para perfurar a cidade. Os vereadores aprovaram e, desde então, as perfurações foram paralisadas.