sábado, 1 de dezembro de 2012

Liminar suspende votação de cassação de prefeito de Friburgo, RJ


Demerval esta afastado do poder desde agosto
Demerval Barbosa está afastado do cargo desde agosto deste ano. Prefeito é acusado de ter desviado verbas das chuvas de janeiro de 2011.
Uma decisão liminar suspendeu nesta sexta-feira, 30, o resultado da votação de cassação do prefeito de Nova Friburgo, Região Serrana do Rio, Demerval Barbosa Moreira, realizado pela Câmara de Vereadores da cidade. Demerval é acusado de desviar verbas das chuvas repassadas ao município após a tragédia de 2011.
A liminar foi apresentada à comissão processante pelo ex-secretário de turismo, atuante no mandato de Demerval, José Motta. Apesar de momentaneamente sem efeito, os vereadores aprovaram a cassação de Demerval, que não compareceu à sessão. Todos os quatro itens apresentados (omissão de informações ao Legislativo, omissão de publicações de contratos e de prestação de contas, falta de dignidade e decoro na função de chefe do Executivo e negligência aos bens do município) pela comissão que pede a cassação do prefeito afastado foram aprovados pelos vereadores, sendo três por unanimidade e um por um apenas um voto contra. Portanto, agora é a justiça quem vai decidir pela validação do processo de impeachment, elaborado pela Câmara de Vereadores.