sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Sesc Teresópolis recebe o espetáculo “O Cabaré de Florbela”, com Selma Reis, no dia 26/1, em única apresentação



O musical reúne trechos de poemas da portuguesa Florbela Espanca e canções gravadas ao longo da carreira da cantora, como “O que é o amor” e “Sangrando”

Comemorando 25 anos de carreira, a cantora e atriz Selma Reis une os seus dois grandes amores - música e teatro - em um espetáculo que mescla poemas da escritora portuguesa Florbela Espanca (1874-1930) com músicas populares de consagrados cantores e compositores brasileiros, gravadas ao longo da carreira da cantora, como “Sangrando” (Gonzaguinha), “Minha missão” (João Nogueira e Paulo César Pinheiro), “Bastidores” (Chico Buarque) e “O que é o amor”, tema de Danilo Caymmi e Dudu Falcão que projetou a voz de Selma em 1990, ao ser incluída na trilha sonora da minissérie Riacho Doce. Com direção de Flávio Marinho, o espetáculo “O Cabaré de Florbela” terá única apresentação no Sesc Teresópolis, no dia 26/1, às 21h, com ingressos a preços populares.
 
A gonçalense Selma Reis, que hoje mora em Teresópolis, apaixonou-se pela música ainda na infância, quando foi influenciada pela família, ligada a rodas seresteiras. Já adolescente, chegou a cursar metade do curso de Comunicação Social, mas trancou a faculdade quando decidiu viajar para o exterior. Na cidade de Nantes, na França, cursou dois anos da faculdade de Letras e aproveitou para estudar música. Em 1987, já de volta ao Brasil, gravou “Selma Reis”, seu primeiro disco independente. O trabalho contou com participações de Dori Caymmi, Jaques Morelenbaum, Geraldo Azevedo, Paulo Jobim, Armandinho e Sueli Costa, entre outros grandes músicos e compositores. Um dos marcos de sua carreira foi a gravação de seu terceiro disco, em 1993, em Londres, Madri, Miami, Los Angeles e Rio de Janeiro, com arranjos de Grahamm Presket, que trabalhou com Paul McCartney e Elton John.

Sua carreira de atriz começou em 1998, com uma participação especial no musical “O abre alas”, sobre a vida de Chiquinha Gonzaga. Fez ainda participações em novelas e minisséries como "Caminho das Índias" (2009), "Páginas da vida" (2006), "Presença de Anita" (2001) e "Chiquinha Gonzaga" (1999). Hoje, com 12 discos gravados e depois de lançar o CD ‘’A minha homenagem ao Poeta da Voz’’, dedicado ao compositor Paulo César Pinheiro, Selma brinda o público com esse belo espetáculo.

Ficha Técnica:
Direção e Roteiro: Flávio Marinho
Visagismo: Beto Carramanhos
Fotografia: João Mario Nunes
Piano: Misael da Hora
Percuteria: Régis Gonçalves
Produção Executiva: Lucinéia Alves


Serviço
Espetáculo “O Cabaré de Florbela” com  Selma Reis
Data: 26/1, às 21h
Local: Teatro Sesc Teresópolis, Avenida Delfim Moreira, 749, Várzea
Ingressos: R$ 3 (associados Sesc Rio) R$ 6 (estudantes e idosos) R$ 12
Capacidade: 240 pessoas
Duração do espetáculo: 1h
Informações: (21) 2743-6939 / 2743-6959
Classificação etária: 14 anos