terça-feira, 29 de outubro de 2013

Prefeito de Japeri, RJ, é condenado por fraude em merenda escolar

O Tribunal de Contas do Rio de Janeiro condenou o prefeito de Japeri, na Baixada Fluminense, a devolver quase R$ 3 milhões aos cofres públicos por fraudes na compra e na distribuição da merenda escolar.
Segundo o TCE, uma auditoria confirmou as irregularidades. Na lista de compras da prefeitura de Japeri, um pacote de biscoitos saía por R$ 11 mais caro que um quilo de carne que era vendido por R$ 8,47. No relatório, o TCE lista outros alimentos, como queijo e maçã, que também foram comprados por preços acima do mercado. O prefeito Ivaldo Barbosa dos Santos, o Timor, do PSD, foi condenado a devolver R$ 2,916 milhões. Ele é acusado de superfaturamento, compra de alimentos de empresas não qualificadas e de não distribuir as merendas. O prefeito negou as acusações. Ele tem 60 dias para recorrer.