domingo, 20 de outubro de 2013

Com ciúme da mulher, pai e filho amarram e espancam homem até a morte em Teresópolis

Um homem de 37 anos foi amarrado e morto a pancadas na manhã deste sábado (19) em Teresópolis, Região Serrana do Rio. O crime, de acordo com a polícia, foi cometido por pai e filho, de 45 e 21 anos, em uma suposta vingança com as próprias mãos. Depois de passarem a madrugada bebendo em um bar na Vila Muqui, os três homens foram para a residência dos suspeitos, que acabaram cometendo o homicídio, ainda segundo a polícia.Os homens, que estavam sob forte efeito de álcool, confessaram a autoria do crime e disseram, ainda, que o motivo teria sido por conta da vítima ter assediado a mulher de um deles, conforme explicou a polícia. Além disso, os policiais que fizeram a ocorrência disseram que os suspeitos alegaram que o homem era conhecido na região por ser um estuprador. A Polícia Civil informou que a vítima já tinha sido presa, mas por homicídio, e que chegou a cumprir pena. Ele já estava solto há cerca de três anos.

Pai e filho foram presos, ainda pela manhã, pela Polícia Militar (PM), que foi acionada por um vizinho que ouviu o barulho e flagrou os dois saindo da casa. De acordo com os agentes, eles confessaram ao morador que tinham acabado de fazer uma besteira. Eles foram encontrados próximos ao local do crime.

O delegado titular da delegacia de plantão de Carmo, André Lourenço, informou que a perícia já foi feita no local e que os homens estão prestando depoimento na 110ª Delegacia de Polícia, no Alto, onde o caso foi registrado. Segundo o delegado, os presos vão responder por homicídio qualificado,  já que não houve chance de defesa da vítima, além do crime ter sido cometido por motivo fútil. Ainda de acordo com o policial, pai e filho devem ser transferidos para um presídio na capital na próxima segunda-feira (21).


(G1)