quarta-feira, 8 de agosto de 2012

Teresópolis: Educação oferece curso grátis de Tecnologia da Informação para profissionais da rede municipal


Objetivo do curso é Integrar os profissionais de
Educação às diversas tecnologias
O Núcleo de Tecnologia Educacional (NTM), da Secretaria Municipal de Educação (SME), abriu inscrições para o curso “Tecnologias na educação: ensinando e aprendendo com as TIC – Tecnologias da Informação e Comunicação”. Destinado a professores e gestores escolares da rede municipal de ensino, o curso oferece 35 vagas, tem duração de 100 horas, com aulas presenciais e à distância, e visa a oferecer subsídios teórico-metodológico-práticos aos educadores.
A iniciativa conta com a parceria do ProInfo Integrado (Programa Nacional de Formação Continuada em Tecnologia Educacional), do Ministério da Educação. Planejar estratégias de ensino, integrando recursos tecnológicos disponíveis que resultem no desenvolvimento dos conhecimentos e habilidades esperados em cada série, é o principal objetivo do curso.
Segundo o Secretário de Educação, Leonardo Vasconcellos, a intenção é integrar ainda mais os profissionais de educação com as diversas tecnologias. “O professor na atualidade deve aprender as variadas técnicas de informação e de comunicação, assim como as distintas representações usadas nas diversas tecnologias disponíveis”, incentiva o Secretário.
Para o professor Gustavo Sulzer Roquette, coordenador do NTM, compreender o potencial pedagógico de recursos das TIC é fundamental para professores e equipes diretivas. “O curso visa a ensinar esses profissionais a utilizar as TIC na prática pedagógica, promovendo situações de ensino que potencializem a aprendizagem dos alunos”, explica Gustavo.
Com início no dia 13 de setembro, e término previsto para 13 de dezembro, o curso acontecerá todas as quintas-feiras, das 18h às 19h30. A carga horária é de 100 horas-aula, sendo 60 horas à distância mais 40 horas presenciais. Os encontros acontecerão no Núcleo de Tecnologia Educacional, localizado na Secretaria Municipal de Educação (Avenida Feliciano Sodré, 1083/2º andar – Várzea), onde as inscrições podem ser feitas, mediante preenchimento de ficha e apresentação de original e cópia de carteira de identidade, CPF e de contracheque.
De acordo com Carla Rabello, Diretora do Departamento Pedagógico da SME, o professor deve ter as tecnologias como aliadas para facilitar o seu trabalho docente, atuando como aprendiz permanente, além de organizador da aprendizagem. “A Secretaria de Educação entende que um ambiente de aprendizagem não pode se transformar em mero transmissor de informações, mas deve funcionar efetivamente na comunicação e construção colaborativa do conhecimento”, finaliza Carla.