segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Centro de Internet Comunitária de Teresópolis: quase 12 mil acessos em um ano

O Centro de Internet Comunitária está localizado
 no Centro de Informações Turísticas,
na Praça Olímpica

 Com pouco mais de um ano instalado em Teresópolis, o Centro de Internet Comunitária (CIC) ganhou os moradores da cidade. Com mais de 11.900 acessos livres, o CIC de Teresópolis, inaugurado em julho de 2012 no Centro de Informações Turísticas, na Praça Olímpica, é uma das unidades no Estado do Rio de Janeiro onde a população mais recorre à internet. Atualmente, o espaço conta com cerca de 1.860 usuários cadastrados.
Jogos, redes sociais, trabalhos escolares e até informações bancárias. O CIC recebe todo tipo de público que busca acesso gratuito à internet. O projeto foi implantado em parceria entre a Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Ciência e Tecnologia, o Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação do Estado do Rio de Janeiro (Proderj) e a empresa Alterdata Sotfware.
Sala do CIC conta com 11 computadores para
acesso à internet
Para Matheus dos Santos, estagiário do Proderj, o grande número de acessos livres está diretamente ligado à localização do CIC. “Acho que a facilidade de acesso em Teresópolis contribui para a grande procura. Não conheço as outras cidades, mas o CIC fica bem no Centro da cidade, e visível. No meu ponto de vista, isso ajuda bastante”, opinou.
O Centro de Internet Comunitária disponibiliza 11 computadores com acesso livre e gratuito ao mundo digital. O programa busca levar a inclusão digital e oferecer ao cidadão a oportunidade de acessar a internet em banda larga.
Segundo Matheus dos Santos, o Centro de Internet Comunitária ajuda principalmente quem não tem acesso à internet disponível em casa. “As pessoas podem vir para cá e fazer pesquisas ou usar a internet até para se divertir, acessando jogos ou redes sociais”, destacou.
 A utilização dos computadores é livre para qualquer pessoa, basta fazer o cadastro e navegar pelo mundo digital. Cada um pode acessar três vezes ao dia, 30 minutos cada acesso. Se o usuário for um estudante fazendo algum trabalho escolar, os estagiários, monitores ou agentes responsáveis pela liberação do acesso podem estender o tempo para uma hora. As renovações podem ocorrer até três vezes, dependendo da quantidade de pessoas na sala. O CIC funciona de segunda à sexta, das 9h às 17h.