terça-feira, 23 de maio de 2017

MANIFESTANTES ENCONTRAM PORTA DA PREFEITURA FECHADA (23/05) - O Prefeito e o secretário Raphael Teixeira, deixaram a prefeitura uma hora antes do horário marcado para a manifestação.


PORTAS FECHADAS - Com salários atrasados e sem poderem honrar compromissos financeiros, cerca de 100 servidores entre ativos e aposentados, fizeram concentração na porta da prefeitura, hoje, para reivindicar pagamento de salários, direitos adquiridos e denunciar prática de assédio moral, mas a ordem do prefeito foi fechar as portas da prefeitura e não atender ninguém.
DENÚNCIAS DE IRREGULARIDADES - Aos gritos de "fora Tricano", além de apontar irregularidades administrativas que estariam sendo cometidas pela gestão, os manifestantes permaneceram no local até as 14:00, quando assinaram o ponto e seguiram em direção as suas casas.
MEDO DE RETALIAÇÕES - Muitas referências foram feitas aos servidores que não comparecem mais aos eventos com medo de represálias por serem funcionários públicos, alvos fáceis, portanto, para o prefeito, que foi chamado várias vezes de "perseguidor" durante a manifestação.
A Polícia Militar e a Guarda Municipal foram chamadas para garantir a ordem no local, mas a manifestação foi pacífica.