sexta-feira, 18 de setembro de 2015

Marcio Catão retoma negociação sobre fazenda Ermitage

Prefeito Márcio Catão e secretários municipais se reúnem com representantes
do governo do estado para tratar sobre a Fazenda Ermitage
O prefeito em exercício Márcio Catão recebeu nesta quarta-feira, 16, no Centro Administrativo Municipal, o subsecretário extraordinário da Região Serrana, vinculado à Secretaria de Estado de Obras, João Carlos Grilo, para uma reunião sobre questões relacionadas à obra do conjunto habitacional da Fazenda Ermitage, entre outros assuntos.
Os secretários municipais de Desenvolvimento Social, Cleiton Pimentel, de Defesa Civil, cel. Roberto Silva, e de Administração, Jucimar Secchin, também participaram do encontro, além de representantes das secretarias estaduais de Governo e do Trabalho Social de Obras.
O prefeito Márcio Catão agradeceu a presença de todos e o empenho para que os projetos sejam realizados. “Agradeço a dedicação de todos que estão aqui, em especial, ao João Grilo, pelo carinho que tem por nossa cidade e pelo empenho na busca de soluções para que as casas populares da Fazenda Ermitage sejam entregues às famílias que sofreram perdas irreparáveis em 2011”.
Durante a reunião, o subsecretário João Grilo informou que o governo do estado encontrou uma solução imediata para resolver a questão da segurança dos moradores da Fazenda Ermitage com relação ao acesso ao condomínio, que está sendo construído às margens da BR-116 (Estrada Rio-Bahia).
“A passagem de pedestres subterrânea, que será feita com placas metálicas, tem um processo de instalação mais rápido do que o da construção do viaduto. Então, estamos licitando este serviço hoje, com previsão de início para o mais breve possível, pois há três condomínios prontos para serem entregues, restando essa questão do acesso ao empreendimento”, explicou Grilo, pontuando que a construção do viaduto precisou ser licitada novamente, devido ao rompimento do contrato com a empresa selecionada no primeiro processo licitatório, e que as duas vias de passagem estarão disponíveis para os usuários da rodovia.
A obra do conjunto habitacional, às margens da BR-116 (Estrada Rio-Bahia), é coordenada pelo Governo do Estado e faz parte do programa federal Minha Casa Minha Vida. São 1.600 apartamentos, distribuídos em sete condomínios que serão destinados às famílias atingidas pela tragédia de janeiro de 2011.
 A próxima reunião do grupo ficou agendada para o dia 6 de outubro, no mesmo local.