quinta-feira, 17 de abril de 2014

Secretaria de Educação realiza “Encontros da Educação Infantil”

 A Secretaria Municipal de Educação (SME), através da sua Divisão de Educação Infantil, está realizando uma série de encontros com todos os professores de pré-escolar da Rede Municipal de Ensino. O objetivo é implementar novas práticas para a construção de portfólios onde o registro sistemático se adequará as especificidades das crianças, sendo construídos com base eixos da Brincadeira e Interação. Ao todos, serão cerca de seis ou sete reuniões ao longo do ano, que recebem o nome de “Encontros da Educação Infantil”.
Nos encontros, realizados na Secretaria de Educação, educadores de creches, centros de educação infantil e escolas municipais são distribuídos em seis grupos. A proposta é obter vivências e experiências diferentes dentro de cada reunião, que são orientadas por uma dupla de professores/formadores. Estes professores/formadores organizam os encontros e promovem as discussões em torno da prática da construção dos portfólios.
O que é o portfólio?
O portfólio é instrumento de documentação que tem como foco a narração dos percursos de aprendizagem de crianças e adultos. Este “documento” supõe a seleção de registros que objetiva a valorização e a reflexão sobre o percurso da aprendizagem.
“O portfólio já é um recurso utilizado por muitos professores em sala de aula, mas agora ele receberá uma outra formatação; a partir dessa construção poderemos enxergar melhor o ano letivo daquele aluno. Com o portfólio podemos entender como a criança começou aquele ano e como ela está progredindo na construção do seu conhecimento”, explicou Luana de Oliveira, chefe da Divisão de Educação Infantil.
“A rede municipal de ensino precisa estabelecer estratégias para ofertar um atendimento de qualidade para as turmas de 4 e 5 anos. Por isso, os encontros têm foco em linguagem oral e escrita, corpo e movimento e raciocínio lógico matemático. Porém, todas as áreas são contempladas, já que o trabalho na educação infantil deve prezar o desenvolvimento global das crianças”, finalizou Carla Rabello, diretora do Departamento Pedagógico da Secretaria Municipal de Educação.