quinta-feira, 4 de julho de 2013

A PREFEITURA DE TERESÓPOLIS RECEBEU NESTA QUARTA -FEIRA, 03, PROFESSORES E ALUNOS DA REDE MUNICIPAL


Autoridades municipais e estudantes conversaram por mais de duas horas.
Os professores Thiago Duque e Raul Marques, lideravam o grupo.
Cerca de 30 Alunos de escolas públicas municipais, estiveram nesta quarta-feira,03, no gabinete do prefeito Arlei Rosa em busca de informações sobre ações e projetos da Prefeitura. Na pauta, reivindicações e perguntas sobre Educação, Saúde, Transporte, Turismo e Lazer. O professor Thiago Duque, logo no inicio da sua fala, fez questão de frisar que a intenção do grupo sob sua orientação, não é explorar o momento como trampolim político. “Todos aqui, disse, estão movidos por um único propósito: participar mais da política municipal e ver a cidade prosperar”. Presentes a reunião, além do prefeito Arlei Rosa, o vice-prefeito Marcio Catão, o secretário de Turismo, Henrique Carregal,  de Saúde, Luiz Otávio Sant’anna,  de Educação, José Leonardo Vasconcellos, de Governo, José Carlos Cunha, de Fazenda, Geraldo Carvalho e os  vereadores Dr. Carlão e Anginho.

Como orientadores do grupo, o professores Thiago Duque e Raul Marques, fizeram exposição de vários temas e apresentaram idéias. Esteve também presente o Líder do Grêmio Estudantil do Colégio Euclides da Cunha. Com reivindicações precisas, o grupo sabatinou a equipe da Prefeitura durante quase duas horas, dizendo-se surpreso, muitas vezes, com realidades que o povo desconhece e que poderiam ajudar muito na formação de um relacionamento mais colaborativo entre a população e a prefeitura.  Saber, por exemplo, que a obra de reforma de praça da Feirinha esta paralisada em função de uma liminar impetrada pela firma contratada na gestão anterior,  que alega não ter recebido pagamento por serviços prestados, foi uma grata surpresa para uma estudante que disse ter trabalhado na Feirinha. “Sem essa informação, a gente fica pensando que a prefeitura tinha abandonado a reforma”, disse.

O Secretario de Turismo, Henrique Carregal, apresentou ao professor Raul Marques, que questionou a identidade turística de Teresópolis que já foi a “Cidade dos Festivais”, a nova abordagem para essa identidade: Ecoturismo, Montanhismo, Vida saudável, um clima agradável e natureza exuberante. O que não impede o desenvolvimento em outras áreas.
 
Foi dirigido ao vereador Dr. Carlão, o questionamento sobre as atividades da Câmara Municipal, pelo fato de ter entrado em recesso justamente numa hora em que a população esta fazendo todas essas reivindicações. Carlão concordou em parte, e disse que os vereadores permanecem trabalhando. “Todos os dias estou na Câmara, disse, e vocês podem nos procurar quando quiserem para agendar reuniões. Podem procurar o presidente da Câmara, que com certeza, vai atender prontamente. Nós não estamos de férias, como andam dizendo. A paralisação se refere apenas as sessões ordinárias de terças e quintas. No dia da manifestação, a paralisação dos trabalhos atendeu à solicitação do comando da PM, que havia identificado a questão do vandalismo e não seria conveniente a Câmara ficar aberta”, disse.

O Prefeito Arlei Rosa, após falar sobre a audiência pública marcada pela Câmara Municipal que vai discutir, entre outras coisas, o valor da passagem, o bilhete único e a rodoviária de integração, disse que espera que essas reuniões tenham continuidade, e que a prefeitura vai se empenhar ao máximo, apesar das dificuldades que a cidade enfrenta hoje, para realizar os anseios da população. Disse também que considera essa proximidade com a população um grande avanço, e quer continuar ouvindo a todos.

O Secretário de Educação, Leonardo Vasconcellos, firmou compromisso em atender os alunos no auditório da Secretaria de Educação para ouvir todas as sugestões e apresentar as realizações e perspectivas da Secretaria até o dia de hoje.


Segundo o professor Thiago Duque, que reivindicou também a possibilidade de se estabelecer um convênio com o CEDERJ – Centro de Educação à Distância do Estado do Rio de Janeiro, a reunião foi muito boa, trouxe inúmeros esclarecimentos e perspectivas, e deixou bem claro que essa ação conjunta, Governo/população, é o que estava faltando. Segundo o professor Thiago, “já temos feito um trabalho muito gratificante de formar cidadãos conscientes, acompanhando nossos alunos as Sessões da Câmara Municipal, e agora, com esse novo canal de comunicação com a Prefeitura, ficou muito melhor”.